Lee Joon é transferido do posto de soldado ativo para soldado reservista por causa da sua síndrome do pânico


No dia 30 de Março, a agência do Lee Joon, Prain TPC, anunciou em uma declaração oficial que o cantor/ator estará se transferindo de seu posto como soldado ativo para soldado reservista.

A agência disse: “Notificamos que o ator Lee Joon foi transferido para o posto de soldado reservista no dia 23 de Março. A partir de agora, Lee Joon cumprirá o serviço militar obrigatório como um funcionário público, de acordo com a ordem da Administração de Mão-de-obra Militar (AMM)".

Lee Joon que se alistou em outubro do ano passado no exército da República da Coréia, recebeu tratamento contínuo para o seu síndrome do pânico desde antes de seu alistamento. No entanto, sua condição não melhorou, o que levou a uma revisão do seu status pelos regulamentos militares, e ele foi determinado a não servir como um soldado ativo.

Lee Joon está atualmente aguardando sua carta de convocação do AMM. Ele se sente culpado por não ser capaz de mostrar seu lado saudável e fará o seu melhor para cumprir o resto do serviço militar obrigatório assim que receber sua convocação.”

Lee Joon revelou que foi diagnosticado com síndrome do pânico em Fevereiro de 2017.

Fonte: MBLAQ Brazil