EXID e outros cancelam aparição no "Aniversário de 100 anos da fundação da 2° divisão do exército americano"


Muitos cantores cancelaram e se desculparam por aparecer no "US Army 2nd Division Foundation 100 Year Anniversary Super Concert".

Originalmente, o EXID estava programado para performar no concerto junto com San E, Oh My Girl, Crying Nut, Sweet Sorrow, Insooni, e outros. No entanto, os habitantes atuais de Euijung-bu, onde a divisão é localizada, sofrem bastante por conta dela ser localizada ali. A área está com uma dívida alta, porque os planos de criar uma linha de metro ali não funcionaram, no entanto, foram gastos milhões para fazer o concerto. Porém, o evento era de graça, significava que todo o valor gasto não retornaria pelos ingressos.

Não só isso, muitos moradores protestaram a celebração do aniversário da divisão pois no dia 14 de junho é o 15° aniversário do atropelamento de duas estudantes de ensino médio, Misun e Hyosoon, que foram atingidas por um tanque americano. Além disso, muitos moradores fizeram protestos contra os soldados americanos da divisão que, de acordo com eles, cometeram incontáveis crimes no passado (existem até musicas sobre como os soldados tratavam os moradores coreanos).

Depois de muitas pessoas pedindo para que não aparecessem, o EXID (junto com a maioria dos outros) decidiram não comparecer ao concerto. A agência se desculpou e explicou que eles antes decidiram aceitar estar no concerto, mas depois de descobrir o que o concerto estava celebrando eles voltaram atrás. Outros artistas apareceram, assim como Crying Nut e Insooni, mas não performaram e pediram desculpas por aparecerem. 

A cidade  disse: "Os artistas não vieram ao concerto por conta das criticas contínuas sobre o concerto acontecer dias antes do 15° aniversário do acidente Misun-Hyosoon. Nós nos desculpamos aos moradores que esperavam pelo concerto".


Tradução: Nayara
Edição: Letícia
Fonte: (1)