Chorong (APink) não desiste da batalha contra comentários maliciosos de haters, já são 6GB de evidências


Chorong (APink) vai apresentar novas queixas contra os internautas maliciosos.

A companhia das APink (Plan A) declarou:

Como anunciamos em Novembro do ano passado, vamos tomar ações legais contra aqueles que espalham falsos rumores e fazem comentários difamatórios.

No ano passado a companhia anunciou que iria tomar fortes ações legais contra aqueles que afetassem não apenas o bem-estar dos seus artistas mas também o dos seus amigos e família através de comentários maliciosos. Esta é já a segunda vez que a companhia anunciou os seus planos.

A Plan A enfatizou que não estão apenas tentando intimidar os ‘cyber bullies’ e afirmou:

Aguentamos tempo demais os comentários de rumores e assédio sexual para com os nossos artistas e estamos no processo de recolha de provas. Muita da mágoa e dos danos emocionais podem nunca ser conhecidos. É impossível comparar isto com os sentimentos das partes lesadas.

A empresa continua dizendo:

Para além dos relatórios que estamos preenchendo, planejamos adicionar mais ofensores à lista no dia 25 de Abril. Como envolve não só os artistas mas também as suas famílias e amigos, não vamos ser complacentes. Planejamos um forte confronto legal sem clemência.

Chorong (APink) escreveu recentemente no seu Instagram:

Por favor venham até mim e xinguem. Por favor não ataquem a minha família que não fez nada de mal. Por favor, me façam este favor. Eu consigo aguentar aquilo que me queiram dizer e gostaria de refletir sobre tal. No entanto, os meus familiares e colegas não aguentam as ofensas. Vocês parecem não saber o quanto as suas palavras podem magoar uma pessoa. É muito difícil de suportar se vocês postarem coisas como estas.

Até agora, o material coletado pela Plan A engloba 4800 peças de evidência. É uma quantidade enorme, com cerca de 6GB de dados.

Tradução: André
Revisão: Boss
Fonte: (1)(2)